Operação 2 de Julho terá mais de 2.500 policiais militares

Operação 2 de Julho terá mais de 2.500 policiais militares

A Polícia Militar da Bahia (PMBA) atuará com 2.511 policiais e 98 bombeiros militares durante as comemorações pela Independência da Bahia, nesta quarta-feira (2), em Salvador. O efetivo da Operação 2 de Julho será distribuído por todo o trajeto e adjacências, inclusive nos pontos e terminais de ônibus, em barreiras de trânsito, patrulhas e duplas.

O policiamento contará com o apoio da tropa especializada como o Esquadrão Águia, Esquadrão de Polícia Montada, Batalhão de Choque, Grupamento Aéreo (Graer), Batalhão Especializado de Policiamento em Eventos (BEPE) e as Companhias Independentes de Policiamento Especializado (CIPEs), além do Corpo de Bombeiros.

O policiamento iniciou na tarde desta terça-feira (1), em Pirajá, com a chegada do tradicional fogo simbólico, e ficará até o último dia oficial da comemoração. Entre as atividades realizadas pela Polícia Militar, está a varredura destinada a manter livres as vias por onde passará o cortejo e a distribuição das patrulhas ao longo do trajeto.

Ao todo, 98 bombeiros militares atuarão nos dois turnos, com equipes a pé e o apoio de três viaturas Auto Bomba Tanque, cinco motocicletas e uma ambulância do Salvar, que ficará de prontidão para realizar atendimento médico.

As atividades operacionais se somam à participação da PMBA nos festejos cívicos, com uma comissão oficial que acompanhará o comandante geral da Polícia Militar, coronel Alfredo Castro. O festejo vai contar ainda com a apresentação do Coral da PM na execução do Hino ao Dois de Julho do Estado da Bahia, acompanhado da Banda de Música Maestro Wanderley, no Largo do Campo Grande, no turno vespertino

Informações: http://www.secom.ba.gov.br
Edição: Sidiclei Oliveira